1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (17.878 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

5 benefícios da Sibutramina

A sibutramina é uma substância aplicada no tratamento de obesidade, vendida mediante prescrição médica. Criada inicialmente como antidepressivo, a sibutramina age no sistema nervoso central, especialmente sobre dois neurotransmissores, a serotonina e a noradrenalina. Ela provoca no paciente a sensação de saciedade e o controle da fome.

A sibutramina deve ser utilizada por pacientes com grau de obesidade grau 1 (quando o Índice de Massa Corpórea, IMC, está entre 30 e 34,9), grau 2 (quando o IMC, está entre 35 e 39,9) e grau 3 (quando o IMC está acima de 40).

Foto Divulgação: Sibutramina

Foto Divulgação: Benefícios da Sibutramina

Confira 5 benefícios do uso da sibutramina:

Reduz o ganho de peso corporal

A sibutramina emagrece porque reduz a vontade de comer promovendo o aumento da saciedade, previne a redução do gasto energético que acompanha a perda de peso.

Estimula o centro da saciedade no cérebro

O que a sibutramina faz no cérebro não é exatamente inibir o apetite. Na verdade, ela estimula a saciedade. Na prática, o paciente fica satisfeito com menos comida.

A sibutramina age sobre dois neuro transmissores: a serotonina e a noradrenalina. Esses neurotransmissores funcionam entre os neurônios, levando informações de um para o outro. Nesse processo, geram a sensação de saciedade.

Tem um efeito sobre o termogênese, o aumento da temperatura e do metabolismo orgânico

Durante dietas com poucas calorias, há uma tendência natural do organismo de baixar o metabolismo, diminuindo o gasto energético e dificultando a perda de peso. Ao aumentar a termogênese, a sibutramina aumenta o metabolismo e permite uma maior queima de calorias, o que auxilia na perda de peso observada com o medicamento.

Diminui o colesterol e triglicérides

O “colesterol ruim” e triglicérides aumentados podem aparecer devido a uma alimentação rica em gorduras, açúcar refinado e alimentos industrializados, ou também por fatores genéticos. A sibutramina emagrece por auxiliar no controle da produção de gorduras pelo organismo.

Controla o nível de glicose no sangue

A alta taxa glicêmica ajuda no ganho de peso, a sibutramina auxilia no controle do nível de glicose no sangue.

A sibutramina provoca efeitos colaterais?

Sim. Por ser um “parente distante dos remédios antidepressivos”, que agem em diversos locais do sistema nervoso central, é possível que ocorram efeitos colaterais.

Quais são os efeitos colaterais?

Os efeitos colaterais são: aumento da pressão arterial, elevação da frequência cardíaca, dores de cabeça, boca seca, insônia e prisão de ventre.

 Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Contraindicação para utilizar remédios com esta substância

Sim. Pessoas que sofrem de alguma cardiopatia (doença no coração) ou descontrole na pressão arterial. No caso delas, o melhor a se fazer é uma dieta balanceada e atividade física, apenas.

Indicações para pessoas que querem voltar a tomar?

Sim. No entanto, os efeitos podem não ser os mesmos do primeiro período de tratamento. Não é todo mundo que responde ao remédio de forma igual. Se não ocorrer emagrecimento, é melhor suspender a sibutramina.

Recomendados para você:

Comente (será moderado)